Cristiano Ronaldo é preso pela polícia por telefone quebrado de torcedor do Everton

Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo com a camisa do Manchester United (Foto: GLYN KIRK/AFP)

Aviso emitido após a divulgação de imagens do jogo do United com o Everton em abril

 

Cristiano Ronaldo foi advertido pela polícia depois que surgiram imagens do atacante do Manchester United parecendo quebrar um telefone da mão de um torcedor do Everton em uma partida.

O homem de 37 anos foi entrevistado por policiais em relação a uma alegação de agressão e danos criminais após o incidente em Goodison Park em 9 de abril.

A polícia de Merseyside iniciou uma investigação depois que um vídeo circulou online de Ronaldo parecendo derrubar o celular do torcedor no chão enquanto ele mancava em direção ao túnel após a derrota do United por 1 x 0.

 

A força disse em um comunicado na quarta-feira: “Podemos confirmar que um homem de 37 anos compareceu voluntariamente e foi entrevistado sob cautela em relação a uma alegação de agressão e danos criminais.

Após o incidente, Ronaldo emitiu um pedido de desculpas nas redes sociais pela sua “explosão” e convidou o adepto a assistir a um jogo em Old Trafford “como um sinal de fair play e desportivismo”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *